O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quinta-feira (6) que “nenhum governador ou prefeito” poderá impedir crianças de 5 a 11 anos de se matricularem em escolas por falta de vacina contra a Covid-19. O presidente afirmou que a vacinação infantil não será obrigatória. “A vacina será de forma não obrigatória. Então, ninguém é obrigado a vacinar o teu filho. Se é n...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários