Em seu último artigo de 2021, publicado dia 28 último, a economista Ana Carla Abrão desejou um “feliz 2023” a seus leitores. Não foi um erro, ela realmente pulou 2022, já prevendo que este tende a ser um ano de dificuldades, com baixo crescimento econômico, inflação alta e pobreza crescente. Tudo isso apimentado com a campanha eleitoral, que promete ser uma das mais a...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários